Polícia prende supostos skinheads no Centro de SP

A polícia prendeu em flagrante cinco jovens, supostamente skinheads, que agrediam um grupo de pessoas no Centro de São Paulo na madrugada deste domingo. Segundo informações da Polícia Civil, uma viatura que passava pela Avenida Vergueiro por volta da 1h20 da manhã foi parada por um homem que fugia do grupo. Os policiais então cercaram os jovens, que agrediam outras pessoas e efetuaram a prisão em flagrante.

LUCIANA FADON VICENTE, Agência Estado

03 de julho de 2011 | 13h46

O homem que chamou a atenção da polícia, um operador de 34 anos, disse que o grupo ameaçava os pedestres com agressões verbais e facas. De acordo com as informações da polícia, foram apreendidos quatro punhais, um facão e um machado, além de jaquetas e celulares.

Welker de Oliveira Guerreiro, de 19 anos; Guilherme Witik Ferreira de Carvalho, de 21; Pedro de Toledo de Souza, de 19; Júlio Ramon de Lima, de 21; e Cauê Boldon Barreto, de 18, foram encaminhados para o 5º Distrito Policial, na Aclimação e devem responder por tentativa de homicídio, formação de quadrilha e injúria.

Tudo o que sabemos sobre:
prisãoskinhead

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.