Policiamento segue reforçado em quatro UPPs

O policiamento segue reforçado desde essa sexta-feira, 17, em quatro favelas com Unidades de Polícia Pacificadora (UPP) no Rio. No Morro da Mangueira, na zona norte, um policial morreu após troca de tiros com traficantes que tentam retomar o controle do tráfico de drogas.

THAISE CONSTANCIO, Estadão Conteúdo

18 de outubro de 2014 | 10h51

O soldado chegou a ser levado para o Hospital Quinta D''Or, em São Cristóvão, com outro soldado ferido, mas não resistiu aos ferimentos. Desde o assassinato do ex-traficante Francisco Paulo Testas, o Tuchinha, em 3 de setembro, integrantes da facção Amigo dos Amigos (ADA) tentam invadir a Mangueira que era controlada pelo Comando Vermelho.

A 4 km dali, no Morro dos Macacos, houve tiroteio à tarde. A favela é dominada pela ADA. No Complexo do Alemão, também na zona norte, houve troca de tiros entre traficantes e policiais nessa sexta, na favela Nova Brasília.

Na Ladeira dos Tabajaras, em Copacabana, na zona sul, o Túnel Velho precisou ser fechado pelos policias por causa do intenso tiroteio.

Mais conteúdo sobre:
policiamentoUPP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.