Posto em SP vacina até criança maior de 2 anos

No Dia D da campanha contra a gripe suína, unidade na zona norte da capital ignora orientação do Ministério da Saúde

Carolina Marcelino e Ligia Tuon, O Estado de S.Paulo

11 de abril de 2010 | 00h00

Pessoas que não são prioridade na estratégia de vacinação contra a gripe suína do Sistema Único de (SUS) conseguiram ontem ser imunizadas em um posto montado dentro de um supermercado na zona norte de São Paulo. A reportagem flagrou pelo menos 15 casos durante o "Dia D" da vacinação. A Secretaria de Estado da Saúde, responsável pela organização da campanha no Estado de São Paulo, promete apurar o caso.

Segundo orientação do Ministério da Saúde, ontem deveriam ser imunizados grávidas, crianças de 6 meses a 23 meses e 29 dias, pessoas com doenças crônicas de até 59 anos e jovens saudáveis dos 20 a 29 anos. A pasta elegeu como público alvo aqueles com maior risco de internações e mortes pela doença. De acordo com o ministério, vacinar pessoas que não são o público alvo pode deixar de fora aqueles que mais precisam.

Idosos com doenças crônicas e adultos saudáveis de 30 a 39 anos serão vacinados nas próximas semanas.

Aos 41 anos e saudável, Robilson Moreira Dias conseguiu receber a dose. "Não tenho problema de saúde mas tomei a vacina", afirmou. Um homem de 50 anos, que mentiu para a atendente dizendo ter 35, também tomou a vacina.

"Tenho consciência de que não estou dentro do grupo de risco nesse momento, mas a moça deixou", disse o designer gráfico Maércio José dos Santos, de 35 anos. Em nenhum momento os interessados tiveram de apresentar documento de identidade, diferentemente do que ocorreu em outros postos de vacinação. O pai de uma criança de 5 anos entrou na fila para saber se sua filha poderia receber a vacina. A funcionária disse que sim.

Francisco Antônio Brinco, de 42 anos e hipertenso, reclamou. "Acho errado o que os funcionários estão fazendo".

Apesar da vacinação liberada, a enfermeira Renata Ferreira, de 28 anos, responsável pelo posto de vacinação, garantiu que só as pessoas que atendiam os requisitos estavam sendo vacinadas.

Até as 12h de ontem, 15.185.128 de brasileiros já tinham se imunizado contra a gripe suína desde o início da campanha, segundo o ministério.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.