Pedro Moscaloff e Pedro Knoll/Estadão
Pedro Moscaloff e Pedro Knoll/Estadão

Prato do dia

Receita testada pela editora do 'Paladar', Patrícia Ferraz

Patrícia Ferraz, O Estado de S.Paulo

07 Agosto 2014 | 02h08

A verrine é uma terrine montada num copo, ou verre, em francês. Pelo visual, parece difícil, né? Mas é puro truque de montagem. O grande segredo desta receita é a farofa doce - uma versão simplificada de uma receita que o confeiteiro Antonio Bachour, do St Regis Bal Harbour Hotel, em Miami, ensinou num curso na Universidade Anhembi Morumbi. Você pode fazer a farofa com antecedência e guardar num pote de vidro tampado. Dura uns 15 dias.

1 Descasque as peras e ponha numa panela com 1 xícara de vinho branco, 1 xícara de água e 2 colheres de açúcar (se quiser, use também uma fava de baunilha - abra no sentido vertical, raspe as sementes e ponha-as na panela com a fava). Cozinhe as peras até ficarem macias, mas firmes. Desligue o fogo e deixe descansar na calda por uns 15 minutos. Escorra e pique em cubinhos. Reserve.

2 Numa vasilha, misture a farinha, o açúcar e a manteiga com as pontas dos dedos para fazer a farofa. Espalhe numa assadeira, sem apertar, e asse por 5 minutos, tire do forno, raspe com um garfo para fazer migalhas e volte ao forno até dourar. Deixe esfriar.

3 Derreta o chocolate numa panelinha, com o leite. Reserve.

4 Monte a sobremesa em copinhos de cachaça, intercalando uma colher de mascarpone, calda, as peras, farofa, chocolate, mais farofa, mais pera...

Rende 4 porções

Chaume Coteaux du Layon 09 do Domaine des Deux Vallés (500 ml, R$ 79,44, Franco-Suissa, 5549-7599), Chenin Blan licoroso de agradável doçura e fresca acidez, ou o Falernia Late Harvest Moscatel/Sémillon 09 (500 ml, R$ 40.50, Premium Wines, 2574-8303).

patricia.ferraz@estadao.com  

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.