Preço do aço tem mínima histórica; minério seguirá fraco no mês

Os futuros do aço na China recuaram mais de 1 por cento para uma baixa recorde nesta sexta-feira, com o Banco Central Europeu tendo desapontado investidores que esperavam ações para estimular o crescimento e combater a crise de débito da zona do euro.

Reuters

03 de agosto de 2012 | 14h04

O contrato de vergalhões mais negociado atingiu mínima de 3.631 iuan (570 dólares) a tonelada, queda de 1,1 por cento ante o dia anterior, embora tenha se recuperado para fechar em 3.672 iuan.

Os mercados asiáticos caíram na sexta-feira principalmente com a aversão ao risco crescente pela inércia do BCE.

Os preços do aço na China caíram 17 por cento desde o início abril, com o arrefecimento do crescimento da segunda maior economia mundial e a crise prolongada na zona euro atingindo a demanda, forçando alguns fabricantes de aço a entrar em manutenção a fim de reduzir a produção.

"Os cortes efetivos de produção por siderúrgicas chinesas são muito baixos para sustentar os preços quando a demanda continua fraca, particularmente durante uma fraca temporada de verão", disse o analista Lu Xiaohua, em Xangai.

"As usinas não estão desesperadas para reduzir a produção até que os preços caiam aos seus atuais custos marginais de 3.500 iuan. E qualquer medida pró-economia pode provocar uma rápida recuperação na produção...".

O minério de ferro com teor de ferro 62 por cento caiu 0,26 por cento, para 117,2 dólares por tonelada, na quinta-feira, encerrando duas sessões de ganhos, de acordo com Steel Index.

O minério está oscilando perto de uma mínima de 30 meses.

Siderúrgicas mostraram pouco interesse na compra e a melhor oferta para uma carga australiana na plataforma de Globalore foi de 114,5 dólares por tonelada.

O Metal Bulletin Iron Ore Index, um dos três grandes publicadores do índice global, espera que os preços do minério fechem o mês em média próxima a 120 dólares a tonelada.

"Dados os fundamentos fracos e uma visão global econômica pobre, não esperamos que os preços variem para acima de 130 dólares por tonelada... ", disse o instituto em nota, vendo um piso de 115 dólares.

(Reportagem por Ruby Lian e Wong Fayen)

Mais conteúdo sobre:
MINERACAOPREOFERRO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.