Prefeitura de SP interdita posto com combustível adulterado

A prefeitura de São Paulo interditou hoje mais dois postos que vendiam combustíveis adulterados. O primeiro posto, que utiliza a bandeira da Petrobras, fica na Avenida Jaguaré, 1.112, na região da Lapa.

PAULO MACIEL, Agencia Estado

21 de março de 2009 | 18h28

O estabelecimento vendia combustível adulterado para os consumidores e para enganar a fiscalização utilizava um minitanque. O reservatório, conhecido como caneta ou tubo de ensaio, continha combustível dentro das especificações da Agência Nacional de Petróleo (ANP), de onde era retirado o combustível para a análise da fiscalização.

O outro posto com combustível fora das especificações, de bandeira branca, fica Rua Anhanguera, 650, esquina com a avenida Norma, na Barra Funda. Os dois postos foram fechados com malotões.

Mais conteúdo sobre:
combustívelgasolinaadulterada

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.