Prefeitura de SP mantém plantão em creches em janeiro

Secretário municipal da Educação, Alexandre Schneider, reafirma promessa de criar vagas para crianças

AE, Agência Estado

08 Dezembro 2008 | 10h03

Em São Paulo, as creches municipais entram em férias em janeiro, mas a mãe que não tiver com quem deixar as crianças nesse período vai contar com um serviço de plantão. Basta procurar a subprefeitura de sua região para solicitar o atendimento. É o que afirma o secretário municipal de Educação, Alexandre Schneider, que continua no cargo na próxima gestão de Gilberto Kassab (DEM). O secretário ressaltou que cumprirá a promessa de campanha do prefeito de garantir que nenhuma criança de até 6 anos fique sem vaga na rede municipal de ensino, mas reconhece que, com a implantação do ensino fundamental de nove anos em 2010, algumas terão de fazer o 1º ano do fundamental em escolas de educação infantil (Emeis). Schneider ainda prometeu a criação de quatro novos bairros educadores na capital (São Miguel Paulista, Jardim Ângela, Paraisópolis e Perus), além de Heliópolis, em construção. "O projeto é baseado em conversa com as lideranças locais. Queremos articular as pessoas em torno da escola. Como não há uma fórmula, pode ser que a construção disso seja feita de forma diferente. A idéia do prefeito é integrar atividades de outras secretarias, como saúde, esportes, assistência social", destacou Scheider. Segundo ele, ainda não há investimento previsto. "Pode ser que nem haja construção de novos equipamentos, mas integração dos serviços."

Mais conteúdo sobre:
administração SP creches

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.