Prefeitura de SP volta a divulgar salários na internet

A Prefeitura de São Paulo voltou a divulgar nesta semana a lista de servidores e salários no site "De Olho nas Contas". A Justiça, que havia determinado no último dia 5 a retirada da relação da internet, autorizou o município a manter as listas até que a Federação das Associações Sindicais e Profissionais de Servidores da Prefeitura (Fasp) apresente os nomes dos associados que deverão ser suprimidos.

AE, Agência Estado

19 de janeiro de 2011 | 11h08

A lista da Fasp deve somar cerca de 100 mil profissionais, o que esvaziará o "De Olho nas Contas" - o município tem 147 mil funcionários na administração direta e outros 15 mil servidores indiretos. No começo do mês, conforme revelou o jornal O Estado de S. Paulo, a Prefeitura atendeu a determinação do juiz Luiz Sergio Fernandes de Souza, da 8ª Vara da Fazenda Pública, a favor da Federação. A Prefeitura já informou que vai recorrer.

O município havia perdido na Justiça casos individuais, sendo obrigado a retirar alguns nomes da relação. Em novembro, foi condenado a indenizar 20 servidores. Em março do ano passado, outra decisão determinou retirada dos registros dos funcionários da Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Município (Prodam) - que dá suporte ao site.

A Prefeitura de São Paulo lançou o chamado "portal da transparência" em 2009. Além de salários de funcionários públicos, também tornou acessíveis os dados de contratos. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.