Prefeitura fecha imóveis da Av. Europa

Concessionárias de veículos da Avenida Europa, região nobre de São Paulo, na zona sul, foram fechadas ontem em uma operação da Subprefeitura de Pinheiros. Os estabelecimentos foram lacrados e blocos de concreto foram colocados nas fachadas. De acordo com a subprefeitura, os estabelecimentos têm problemas de alvarás com a Prefeitura. Além das concessionárias, foram lacrados uma agência bancária no Brooklin e seis estabelecimentos comerciais que também ficam na Avenida Europa. Agentes da subprefeitura tinham ordem para interditar duas concessionárias de veículos, uma de motos, duas lojas de móveis e uma galeria de obras de arte. Todos os estabelecimentos já foram intimados e multados por duas vezes. Em 2006, a Prefeitura iniciou uma fiscalização para verificar a situação de todos os estabelecimentos da Avenida Europa. Desde outubro do ano passado, uma concessionária da Ferrari, uma da Citröen e outra da Land Rover foram lacradas por não terem licença para funcionar. No entanto, permaneceram abertas por força de liminares judiciais. Além disso, uma loja de móveis e um pet shop também foram fechados e continuam interditados.

PAULO R. ZULINO, Agencia Estado

01 de setembro de 2007 | 09h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.