Premiê britânico pedirá fim da lei de emergência no Egito

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, pressionará pela suspensão das leis de emergência no Egito durante sua visita oficial ao Cairo nesta segunda-feira, disse uma autoridade britânica.

REUTERS

21 de fevereiro de 2011 | 09h23

A suspensão das leis de emergência tem sido uma das principais exigências dos manifestantes que lançaram uma revolta massiva que derrubou o presidente Hosni Mubarak este mês.

Cameron será o primeiro líder estrangeiro a visitar o Egito desde a queda de Hosni Mubarak, que inflamou o Oriente Médio e obrigou o Ocidente a repensar suas políticas na região.

Durante sua visita, o premiê britânico se reunirá com membros da antiga oposição contra Mubarak, mas não com a Irmandade Muçulmana, o grupo político mais organizado do Egito, visto com suspeita pelo Ocidente.

(Reportagem de Mohammed Abbas)

Tudo o que sabemos sobre:
EGITOCAMERON*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.