Premiê do Vietnã diz considerar ação legal contra China em disputa por águas

O primeiro-ministro vietnamita, Nguyen Tan Dung, disse que o seu governo estava considerando várias opções de "defesa" contra a China, incluindo uma ação legal, após o envio de uma plataforma de petróleo chinesa para águas disputadas no Mar do Sul da China.

Reuters

21 de maio de 2014 | 20h43

Dung, que respondeu por escrito às perguntas da Reuters, manifestou nos seus comentários pela primeira vez a intenção do Vietnã de tomar medidas legais, uma ameaça que provavelmente vai enfurecer Pequim.

"O Vietnã está considerando várias opções de defesa, incluindo ações judiciais, de acordo com o direito internacional", disse Dung em um email enviado durante uma visita a Manila na noite desta quarta-feira. Ele não deu detalhes sobre as outras opções que estão sendo consideradas.

No fim de março, as Filipinas enviaram um caso a um tribunal de arbitragem em Haia contestando as reivindicações da China sobre o Mar do Sul da China, a primeira vez que Pequim foi submetida a um processo jurídico internacional sobre as águas.

(Reportagem de Rosemare Francisco)

Tudo o que sabemos sobre:
VIETNACHINADISPUTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.