Presidente da Libéria lidera eleição, mas pode haver 2o turno

A presidente da Libéria, Ellen Johnson-Sirleaf, está com 44,5 por cento dos votos da eleição presidencial realizada na terça-feira no país, localizado no oeste da África. Seu principal rival, Winston Tubman, tem 26,5 por cento, segundo um balanço da comissão eleitoral nesta quinta-feira.

REUTERS

13 Outubro 2011 | 15h10

O presidente da comissão, James Fromayah, disse que aproximadamente 200 mil votos válidos foram contados. Um total de 1,8 milhão de eleitores foram registrados para participar da votação. Se nenhum candidato obtiver maioria absoluta de votos será realizado em novembro um segundo turno com os dois mais votados.

O ex-líder rebelde Prince Johnson estava em terceiro lugar, com 19,5 por cento, o que pode torná-lo figura-chave na campanha eleitoral de um possível segundo turno.

A eleição é vista como um teste do progresso na Libéria desde o fim da guerra civil de 1989-2003 que deixou cerca de 250 mil mortos e destruiu a infraestrutura do país.

Se o processo transcorrer com tranqulidade, poderá abrir caminho para que a Libéria receba bilhões de dólares em investimentos no setor agrícola, de mineração e energia.

(Reportagem de Richard Valdmanis)

Mais conteúdo sobre:
LIBERIA PRESIDENTE REELEITA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.