Preso envolvido com quadrilha que atuava no Alemão

O foragido da Justiça João Michel Dalincourt Esteves, de 22 anos, conhecido como "Maluquinho", foi preso ontem no Rio de Janeiro. Ele é acusado de ser integrante de uma quadrilha da mesma facção criminosa que atuava no Complexo do Alemão, na zona norte da capital fluminense, e foi responsável por praticar vários delitos na área de Jacarepaguá e Tijuca, na zona oeste.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agência Estado

31 de dezembro de 2010 | 12h23

Além de roubos à residência, estabelecimentos comerciais, veículos e cargas, "Maluquinho" é acusado pelo assassinato de um policial militar lotado no 18º Batalhão que estava em serviço. Ele ainda é suspeito de envolvimento na tentativa de homicídio do seu próprio sogro que, em depoimento aos policiais, afirmou que "Maluquinho" estaria morando na Fazendinha, no Complexo do Alemão.

Segundo as investigações, João age sempre em grupo e usa armamento de grosso calibre, como fuzis e pistolas de uso restrito e costuma agir em companhia de Fabrício Campos Dias, Régis Eduardo Batista, Gilvan Leite da Silva, Fábio Peres Camargo, o Casé, todos procurados pela polícia.

Também fazem parte do grupo, segundo a polícia, Alan Ferreira Montenegro, Jean Pinheiro Laranjeira Duarte, Fábio da Costa Souza, o "Fabinho Piloto", Fabiano Atanásio, o "FB" - foragido da Justiça -, e Emerson Ventapane da Silva, o "Mão", que já foi preso.

Tudo o que sabemos sobre:
crimeprisãoquadrilhaAlemãoRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.