Preso grupo acusado de assaltos na zona sul de SP

Quadrilha costumava quebrar o vidro dos automóveis para roubar bolsas próximo à 23 de Maio

Da Redação, Agência Estado

07 Janeiro 2009 | 09h04

Uma quadrilha formada por sete pessoas, entre elas três menores de idade, foi detida nesta segunda, 5, suspeita de estourar o vidro lateral de um carro para roubar a bolsa da motorista no bairro do Paraíso, zona sul da cidade. O grupo foi preso logo após assaltar uma feirante de 57 anos que estava parada no semáforo em um Vectra GLS. O bando é apontado como responsável pelos assaltos a carros nos acessos da Avenida 23 de Maio.Em dezembro, cinco boletins de ocorrência foram registrados no 36º Distrito Policial (Paraíso). Em depoimento, as vítimas disseram ter sofrido ataques com modo de atuação igual: vidros dos carros quebrados para que a bolsa fosse levada. De acordo com a polícia, existem outras quadrilhas na região. Elas costumam agir após às 21h e dão preferência a mulheres em carros de luxo. O local escolhido pelos assaltantes tem pouca circulação de pedestres, iluminação ruim e as praças do entorno, facilitam a fuga.

Mais conteúdo sobre:
criminalidadeSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.