Presos bandidos que sequestraram promotor em SP

Três homens acusados de sequestrar um promotor de Justiça e seu sobrinho, em Sorocaba (SP), foram presos hoje em Caarapó (MS). Eles estavam com o carro do promotor e pretendiam levar o veículo para o Paraguai. Outros integrantes do bando, especializado no roubo e transporte de veículos para o país vizinho, estavam sendo procurados.

JOSÉ MARIA TOMAZELA, Agência Estado

17 de outubro de 2011 | 20h17

O promotor, de 47 anos, que atua no Ministério Público da capital e pediu para não ter o nome divulgado, foi rendido junto com o sobrinho, de 21, quando chegavam à casa de um parente, na Vila Santana, em Sorocaba, às 19h30 de sábado. O familiar que aguardava a chegada dos dois entrou em contato com a polícia.

De acordo com o delegado Rodrigo Aires, da Delegacia Antissequestro de Sorocaba, as vítimas foram vendadas e levadas inicialmente para um cativeiro em Votorantim, mas os bandidos não pediram resgate. Conforme disseram, eles seriam soltos depois que o veículo estivesse em local seguro.

Quando a polícia estava prestes a chegar ao cativeiro, os bandidos transferiram as vítimas para outro local, provavelmente em Salto de Pirapora. O promotor e o rapaz foram libertados às 15 horas de domingo, numa estrada vicinal de Araçoiaba da Serra. Com base nas informações das vítimas, os policiais de Sorocaba passaram a monitorar possíveis rotas dos bandidos até localizar a caminhoneta na região de Dourados (MS). O veículo foi recuperado.

Mais conteúdo sobre:
prisãosequestropromotor

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.