Professores do Rio saem em passeata até a Prefeitura

Professores municipais em greve sairão na tarde desta sexta-feira, 04, em passeata do Clube Municipal, na Tijuca, zona norte do Rio, até a sede administrativa da prefeitura, na Cidade Nova. Cerca de 4 mil professores participaram de uma assembleia no clube. Eles decidiram manter a greve iniciada em agosto e programaram diversos atos para os próximos dias.

ROBERTA PENNAFORT, Agência Estado

04 Outubro 2013 | 14h10

Os principais serão na próxima segunda-feira, 07, junto com profissionais da rede estadual, também em greve, e no dia 15, dia do professor, para o qual foi convocada marcha em defesa da educação pública. Eles querem a revogação do plano de cargos e salários aprovado terça-feira, 01, na Câmara, o abono dos dias de greve, a não reposição de aulas em janeiro, e a saída da secretária de Educação Cláudia Costin. Segundo a categoria, 80% dos professores estão parados. A secretaria ainda não divulgou o porcentual oficial da adesão à greve.

Mais conteúdo sobre:
protesto professores Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.