Professores param trânsito ao redor ao Palácio Guanabara

Os cerca de 800 professores em greve que fazem passeata por Laranjeiras, na zona sul do Rio, na tarde desta quinta-feira, 22, pararam o trânsito na Rua Pinheiro Machado, onde fica o Palácio Guanabara, sede do governo do Estado, por volta das 16h15. Eles tentaram entrar com o carro de som na via, mas foram impedidos pela Polícia Militar. Os carros que saem do túnel Santa Bárbara em direção à zona sul não conseguem seguir em frente, por causa do impasse.

ROBERTA PENNAFORT, Agência Estado

22 de maio de 2014 | 16h37

Cerca de 60 PMs com escudos protegem a sede do governo do Estado e impedem que os manifestantes se aproximem. Os professores estão a cerca de 200 metros da entrada do palácio, em frente ao clube Fluminense. O protesto é acompanhado por jornalistas estrangeiros que estão na cidade para a cobertura da Copa do Mundo. Um dos slogans dos professores é "Da Copa eu abro mão, quero mais dinheiro para saúde e educação".

Tudo o que sabemos sobre:
professoresRiogreve

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.