Projeto completa atlas do cérebro do rato

Um mapa do cérebro do rato, completo a ponto de apresentar detalhes de células individuais, está pronto. Trata-se do primeiro projeto de um instituto financiado pelo co-fundador de Microsoft, Paul Allen. O anúncio foi feito nesta terça-feira.O novo Allen Brain Atlas ("Atlas Allen do Cérebro") estará disponível online, gratuitamente, para neurocientistas que estudam os circuitos e a química do cérebro, e representa um bônus em potencial para as pesquisas sobre câncer e outras doenças, por conta das semelhanças entre o cérebro do rato e o humano, de acordo com nota divulgada pelo instituto Allen de Ciências do Cérebro. "Queremos que as pessoas usem isso e façam descobertas", disse o cientista-chefe do Instituto, Allan Jones, ao jornal The Seattle Post-Intelligencer. Um anúncio formal deverá ser feito em Washington, com a participação de Allen e de dois senadores.Como ratos e homens compartilham 90% dos genes, o mapa do cérebro do roedor pode ser usado para avaliar descobertas genéticas sobre problemas neurológicos em humanos.Allen doou US$ 100 milhões para dar início ao laboratório, em 2003, e o atlas cerebral custou US$ 41 milhões, abaixo da estimativa inicial de US$ 50 milhões, de acordo com Jones.O próximo projeto do Instituto, diz Jones, será um mapa 3D e interativo dos genes em atividade no neocórtex do cérebro humano, a camada externa onde se localizam as funções mais avançadas de pensamento e emoção.

Agencia Estado,

26 de setembro de 2006 | 14h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.