Projeto da ficha limpa continua sem relator

O Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) defendeu ontem pressão sobre os 33 deputados que apoiaram o projeto de lei de iniciativa popular da ficha limpa para que façam sua inclusão na pauta do Congresso. Segundo o movimento, quase um mês após a entrega da proposta que pretende proibir a candidatura de políticos condenados - subscrita por 1 milhão e 300 mil pessoas -, ela ainda nem teve nomeado um relator.

, O Estadao de S.Paulo

29 de outubro de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.