Protesto contra Sarney reúne 200 pessoas no Rio

Cerca de 200 pessoas fizeram na tarde deste sábado um protesto contra a permanência de José Sarney (PMDB-AP) na presidência do Senado. Eles percorreram a orla da Praia de Copacabana do Posto 6 até o Hotel Copacabana Palace, exibindo cartazes com inscrições como "Fora Sarney", "Lugar de corrupto é na cadeia" e "Pena de morte para os ladrões". Muitos usaram nariz de palhaço, máscara para evitar gripe suína com os dizeres "Fora Sarney" e carregaram caixas de pizza. O grupo fez ainda um minuto de silêncio e cantou duas vezes o Hino Nacional durante a manifestação, que teve três horas de duração.

BRUNO LOUSADA, Agencia Estado

15 Agosto 2009 | 18h26

"O que queremos pedir, além da renúncia do Sarney e o fim da palhaçada no Senado, é que as pessoas acordem, façam alguma coisa para mudar isso. Não podemos nos acomodar", disse Felipe Prudêncio, um dos organizadores do protesto.

Mais conteúdo sobre:
SarneyprotestoRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.