Protesto da CUT reúne manifestantes na Avenida Paulista

Manifestantes estavam reunidos desde 9h40 na calçada em frente ao Espaço Fiesp e não atrapalhavam o trânsito

FABIANA MARCHEZI, estadao.com.br

10 Julho 2008 | 10h35

Um grupo de integrantes da Central Única dos Trabalhadores (CUT) realizava um protesto na manhã de hoje na Avenida Paulista, sentido Paraíso, no centro de São Paulo. De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), os manifestantes estavam reunidos desde 9h40 na calçada em frente ao Espaço Fiesp e não atrapalhavam o trânsito. Até 10h15, a Polícia Militar não tinha informações sobre a manifestação, tampouco sobre seus motivos. Às 10h15, a CET registrava 34 quilômetros de congestionamento em toda a cidade, por conta do excesso de veículos. O índice corresponde a 4,1% dos 835 quilômetros monitorados. No mesmo horário, o pior trecho estava na pista expressa da Marginal do Pinheiros, sentido Interlagos, onde o engarrafamento era de 8,9 quilômetros, entre as pontes Nova Fepasa e Cidade Jardim.No Corredor Norte-Sul, formado pelas avenidas 23 de Maio, Rubem Berta e Moreira Guimarães, sentido Santana, havia retenção em 4 quilômetros, entre os viadutos João Julião da Costa Aguiar e General Euclides Figueiredo. Já na Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, sentido centro, o trânsito estava carregado em 2,2 quilômetros, desde a Avenida Salim Farah Maluf até o Viaduto Grande São Paulo.

Mais conteúdo sobre:
trânsitomanifestaçãoCUT

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.