PT e PMDB mantêm maiores bancadas no Senado, PSDB cresce 25% e assume 3º posto

PT e PMDB perderam deputados e ainda assim se manterão, respectivamente, como primeira e segunda maiores bancadas da Câmara dos Deputados, segundo levantamento do site Congresso em Foco após a eleição de domingo, ao passo que o PSDB crescerá 25 por cento e assumirá o terceiro posto, atualmente nas mãos do PSD.

REUTERS

06 de outubro de 2014 | 01h35

O PSD, inclusive, não só caiu para a quarta posição entre as bancadas, na companhia do PP, cada um dos partidos com 37 parlamentares.

O PSB, que deve ser o partido que mais crescerá no Senado chegando a sete senadores, também registrou crescimento expressivo na Câmara: foi de 24 a 34 deputados, empatado, portanto, com o PR como sexta maior bancada.

O PRB, partido que elegeu o deputado federal mais votado do país, Celso Russomano (SP) com mais de 1,5 milhão de votos, dobrou sua bancada e agora terá 20 parlamentares.

O levantamento do site confirma a projeção feita pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap), que já havia apontado maior fragmentação na Câmara, agora com 28 partidos representados, contra os 22 atuais, cenário que deve tornar mais complexa a governabilidade do próximo presidente, seja Dilma Rousseff (PT) ou Aécio Neves (PSDB).

Veja abaixo como ficam as bancadas na Câmara, segundo o Congresso em Foco.

PARTIDO BANCADA BANCADA

ATUAL ELEITA

PT 88 70

PMDB 71 66

PSDB 44 55

PP 40 37

PSD 45 37

PR 32 34

PSB 24 34

PTB 18 26

DEM 28 22

PRB 10 20

PDT 18 19

SD 22 16

PSC 12 12

Pros 20 11

PPS 6 10

PCdoB 15 9

PV 8 8

PSOL 3 5

PHS 0 4

PEN 1 3

PMN 3 3

PTN 0 3

PRP 2 2

PTC 0 2

PSDC 0 2

PRTB 0 1

PSL 0 1

PTdoB 3 1

(Por Eduardo Simões)

Mais conteúdo sobre:
ELEICOES2014CAMARACOMPOSICAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.