Queda de torre deixa duas pessoas mortas em Jaboticabal

Operários trabalhavan na instalação de rede de internet; um ficou ferido e outro foi internado em choque

Paulo Maciel, estadao.com.br

30 Janeiro 2009 | 01h46

A polícia investiga as causas da queda de uma torre de telecomunicação no distrito de Lusitânia, em Jaboticabal, que matou dois operários e deixou um terceiro ferido. Os três trabalhavam na torre em um andaime que estava a uma altura de cerca de 40 metros quando caiu. Um quarto operário, que estava em terra e testemunhou o acidente, foi internado em estado de choque.A torre caiu na tarde desta quinta, 29, quando os operários trabalhavam na instalação de rede de internet para cidade. Flávio Fernando da Silva, de 33 anos, e Danilo Pereira, de 30 anos, morreram na hora. Marcelo Aníbal Galvani sofreu ferimentos graves e foi levado para o pronto-socorro de Jaboticabal, e, posteriormente, transferido para um hospital de Ribeirão Preto.

Mais conteúdo sobre:
Jaboticabalacidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.