Rebeldes tomam centro de comando militar no norte da Síria

Jabat al-Nusra, um grupo suspeito de ter ligações com a Al Qaeda, ajudou os rebeldes a controlar a base síria

Reuters

09 Dezembro 2012 | 13h50

Grupos rebeldes, incluindo uma unidade linha-dura islâmica, tomaram um centro de comando do Exército no norte da Síria neste domingo, forçando mais de 100 soldados a fugir, afirmou um grupo de monitoramento.

Jabat al-Nusra, um grupo suspeito de ter ligações com a Al Qaeda, ajudou os rebeldes a controlar o local, parte da 111a base de regimento na região de Sheikh Suleiman, na província de Aleppo, na fronteira com a Turquia, disse o Observatório Sírio para Direitos Humanos.

Alguns homens de ambos os lados foram mortos, enquanto cerca de 140 soldados fugiram para outra base militar na região, de acordo com o observatório.

(Reportagem de Erika Solomon)

Mais conteúdo sobre:
SIRIAREBELDES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.