Reféns são liberados e rebelião de Magé acaba no Rio

A rebelião dos detentos da Casa de Custódia Romeiro Neto, em Magé, na Baixada Fluminense, terminou por volta das 20h30, com a liberação dos quatro reféns, segundo informações da Polícia Militar.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agencia Estado

22 de novembro de 2009 | 20h45

Os agentes penitenciários foram mantidos reféns desde as 13h30 deste domingo, quando começou a rebelião na Casa de Custódia. Um detento morreu, após passar mal e ser levado para o Hospital Municipal de Magé, segundo a polícia. Ainda não há informações sobre o que teria causado a morte do preso.

De acordo com a PM, agentes e policiais fazem neste momento uma vistoria no local para encontrar armas. Ainda não foi divulgado como a rebelião começou.

Tudo o que sabemos sobre:
rebeliãopresídioMagéRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.