Região de Sorocaba-SP inicia ações contra queimadas

As cidades de Sorocaba, Votorantim e Piedade, no interior paulista, iniciam amanhã uma ação conjunta de combate às queimadas que se tornam frequentes nesta época do ano por causa da estiagem. As três cidades criaram patrulhas para detectar e apagar os focos de incêndio em matas, campos e florestas. A ação se tornou possível depois da assinatura de um convênio em dezembro do ano passado que permite que um município auxilie o outro nas ações contra o fogo. As patrulhas dispõem de equipamentos e veículos e, nos incêndios maiores, terão o apoio do Corpo de Bombeiros.

JOSÉ MARIA TOMAZELA, Agência Estado

05 Junho 2011 | 19h20

Em Sorocaba, a patrulha verde é formada por 14 servidores treinados para detectar, com o auxílio de binóculos, as queimadas na fase inicial. Eles fazem a vigilância de pontos estratégicos, diariamente, até as 22 horas. A lei municipal 8.405/08 considera crime ambiental colocar fogo em lixo ou mato. Quem for flagrado pode ainda ser multado em valores que vão de R$ 1 a R$ 3 por metro quadrado de área queimada. Entre janeiro e maio deste ano, a cidade contabilizou 208 focos de queimadas e foram aplicadas 49 multas. Somente em maio, 65,3 mil metros quadrados de áreas verdes foram destruídos pelo fogo. No ano passado, foram 289 autuações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.