Regulador antitruste da Índia investiga Google, diz ministro

O regulador antitruste da Índia abriu uma investigação contra o Google após um grupo de defesa do consumidor ter acusado a companhia de medidas que desfavorecem a concorrência, anunciou nesta segunda-feira o governo.

Reuters

13 de agosto de 2012 | 13h46

A Comissão de Concorrência da Índia recebeu denúncias de que o Google desobedeceu a uma lei de concorrência indiana, afirmou o ministro de Assuntos Corporativos, R.P.N. Singh, segundo comunicado do governo, sem fornecer mais detalhes.

A porta-voz do Google, Paroma Roy Chowdhury, disse que a companhia estava cooperando com a Comissão.

"Estamos certos de que nossos produtos cumprem as leis de concorrência da Índia", afirmou a representante em nota.

(Por Devidutta Tripathy)

Mais conteúdo sobre:
TECHGOOGLELEGALINDIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.