Reguladores dos EUA investigam Citigroup em Londres

O Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos) e o escritório de controle de moedas enviaram investigadores aos escritórios do Citigroup em Londres como parte de uma investigação sobre suposta manipulação do mercado global de moedas, disse à Reuters uma fonte próxima ao tema.

Reuters

15 de janeiro de 2014 | 14h18

Isso ocorre após na semana passada o Citi ter demitido seu chefe europeu de câmbio internacional Rohan Ramchandani, ao cabo de um longo período de licença.

O Fed e outras autoridades, que estiveram no escritório do Citi em Londres nesta semana, estão em estágio preliminar para reunir informações, e sua presença não está ligada à demissão de Ramchandani, disse a fonte nesta quarta-feira.

O Fed e o escritório de controle de moedas, que é um órgão independente do Tesouro norte-americano, não comentaram a informação, assim como um porta-voz do Citigroup.

No ano passado, autoridades financeiras britânicas iniciaram uma investigação formal sobre eventual manipulação no mercado global de moedas, que movimenta 5,3 trilhões de dólares diariamente. O Departamento de Justiça norte-americano também está engajado em uma investigação ativa sobre possível manipulação nos mercados.

(Por Jamie McGeever)

Mais conteúdo sobre:
FINANCASCITIINVESTIGACAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.