Restos humanos de 10 mil anos são achados

Restos humanos de quatro adultos e duas crianças de 10.045 anos atrás, entre os mais antigos já descobertos na América, foram encontrados na região central da Argentina. "Os esqueletos encontrados estão diretamente relacionados com os primeiros habitantes indígenas da América, após as primeiras ondas populacionais vindas da Ásia. Eram caçadores e coletores nômades", afirmou um dos líderes da pesquisa, o arqueólogo Gustavo Politis, do Conselho Nacional de Pesquisas Científicas e Técnicas (Conicet) do país.

AFP, O Estado de S.Paulo

25 de setembro de 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.