Reunião ministerial começa com orientação da AGU sobre eleições

O advogado-geral da União (AGU), Luís Inácio Adams, abriu a reunião ministerial desta segunda-feira explicando aos ministros o que eles podem ou não fazer no período eleitoral.

REUTERS

05 de abril de 2010 | 10h26

Essa é a primeira reunião convocada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva desde a reforma da semana passada, provocada pela saída dos ministros que disputarão as eleições em outubro.

Na sequência da reunião, segundo uma fonte do governo, está prevista uma exposição da conjuntura econômica pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Por fim, o presidente Lula encerrará a reunião falando aos ministros o que espera do governo até o fim de seu mandato. Ele deve sublinhar que quer empenho na execução dos programas já lançados pelo Executivo e que não é hora dos ministros inventarem novas políticas.

(Reportagem de Fernando Exman)

Tudo o que sabemos sobre:
POLITICAMINISTROSLULA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.