Ricco acelera na subida e ganha seu segundo estágio na França

O italiano RiccardoRicco mostrou suas habilidades para subir montanha com umsurpreendente ataque no primeiro teste de montanha do Tour deFrance, neste domingo, para conquistar seu segundo estágiovencido. O vice-campeão do Giro d'Italia deixou os favoritos dacorrida para trás na subida do trecho de categoria um Cold'Aspin, no nono estágio, com uma repentina explosão develocidade. Ricco, que já havia vencido na subida final o sextoestágio, Saunier-Duval, bateu o russo Vladmir Efimkin, quecompete pela AG2r-La Mondiale e cruzou a linha um minuto equatro segundos depois. O francês Cyril Dessel, também da AG2r-La Mondiale, foi oterceiro, 13 segundos atrás, depois de vencer o sprint do grupodos favoritos. "Esta vitória significa muito mais para mim do que aprimeira, porque esta foi realmente num estágio de montanha",disse Ricco, que agora é o 21o na classificação geral, 2:35atrás de Kim Kirchen, de Luxemburgo. O australiano Cadel Evans, visto como o maior favorito paraa prova, caiu na metade do estágio, o que o deixou comhematomas no joelho, ombro e coxa esquerdos. "Nós não estamos preocupados do ponto de vista médico. Sãoapenas os problemas usuais que uma queda provoca", disse omédico da corrida Gerard Porte. Evens segue como segundo na classificação geral, seissegundos atrás de Kirchen, que também tomou a jaqueta verde deciclista mais rápido do espanhol Oscar Freire. O norte-americano Chris Vande Velde, da equipeGarmim-Chipotle, é o terceiro, 44 segundos atrás do líder. O sueco Thomas Lovkvist, da equipe Columbia, sofreu com assubidas e perdeu a camiseta branca de melhor ciclista novatopara Andy Schleck, 12o na classificação geral.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.