Rio confirma mais 9 mortes causadas pela gripe suína

A secretaria estadual da Saúde do Rio de Janeiro confirmou hoje que mais nove pacientes morreram no Estado em decorrência da gripe suína. Os casos ocorreram entre 21 de julho e primeiro de agosto. Das vítimas, três estavam grávidas e três eram crianças. Desde o início da epidemia da gripe A (H1N1), 28 pessoas morreram no Estado.

CLARISSA THOMÉ, Agencia Estado

07 Agosto 2009 | 20h32

As três crianças, dois meninos de 4 anos e uma menina de 3, tinham outras doenças. Os meninos, moradores de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, e São Gonçalo, sofriam de asma. A menina tinha encefalopatia (síndrome com alterações cerebrais decorrentes da má função hepática). A secretaria não informou se as grávidas - duas moradoras do Rio, de 23 e 20 anos; e outra de Niterói, no Grande Rio, de 22 - também tinham outras doenças. As demais vítimas são um homem de 47 anos, morador do Rio, e duas mulheres, de 43 e de 30 anos, ambas de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Mais conteúdo sobre:
gripe suínaBrasilRJmortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.