Roberto Jefferson é internado para exames antes de operar tumor

Um dos principais alvos do processo que julga os acusados de envolvimento no chamado mensalão, o presidente nacional do PTB e ex-deputado federal Roberto Jefferson, de 59 anos, foi internado nessa quinta-feira em um hospital particular no Rio de Janeiro para realizar exames preparatórios para uma cirurgia para a retirada de um tumor no pâncreas marcada para sábado.

Reuters

26 de julho de 2012 | 19h23

A intervenção será realizada pelo cirurgião geral José de Ribamar Saboia Azevedo. Segundo boletim médico divulgado pelo Hospital Samaritano, o ex-deputado está internado para a realização de exames pré-operatórios.

Após a cirurgia, um novo boletim será divulgado. Por ora, ainda não há previsão de alta.

O presidente nacional do PTB responde por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Ele foi o delato do suposto esquema em junho de 2005, quando disse em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo que o então tesoureiro do PT, Delúbio Soares, pagaria uma "mesada" a parlamentares em troca de apoio político ao governo no Congresso.

O julgamento dos 38 réus no processo do mensalão está programado para começar no dia 2 de agosto no Supremo Tribunal Federal (STF).

(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)

Tudo o que sabemos sobre:
POLITICAJEFFERSON*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.