Robin Hood inspira restaurante beneficente no Canadá

No 'Robin de Bois', lucro é distribuído para caridade e metade dos funcionários é voluntária.

BBC Brasil, BBC

27 de abril de 2010 | 13h12

O restaurante Robin de Bois em Montreal, no Canadá, não tem apenas o nome inspirado no bandido inglês Robin Hood - aquele que tirava dos ricos para dar aos mais pobres: todo o lucro é distribuído para instituições beneficentes.

Dos 42 funcionários que trabalham no restaurante diariamente, 20 são voluntários.

E a lista de espera para trabalhar de graça no Robin de Bois atualmente conta com 3,5 mil pessoas.

Voluntários como a advogada Nadine Saade trabalham como ajudante de cozinha, garçons ou garçonetes.

De acordo com Saade, a maioria dos clientes sabe que muitos funcionários são voluntários e por isso perdoa os eventuais esquecimentos e acidentes com bandejas que costumam acontecer com mais frequência que em restaurantes "normais".

Para a advogada, trabalhar de graça no restaurante é uma forma de retribuir o que conseguiu da sociedade.

"Advogados costumam ser vistos como pessoas desonestas, que se aproveitam dos outros, então é bom fazer este tipo de trabalho."BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.