Rudisha e Vlasic são eleitos atletas do ano pela Iaaf

O corredor queniano dos 800 metros David Rudisha, que garantiu o único recorde mundial do país em 2010, e a campeã de salto em altura Blanka Vlasic, da Croácia, foram premiadas como atletas do ano pela Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) neste domingo.

GENE CHERRY, REUTERS

21 de novembro de 2010 | 15h11

Rudisha, de 21 anos, conseguiu por duas vezes superar o recorde dos 800 metros, o último deles em 41s01, em uma temporada de ótimos resultados em que conseguiu 12 vitórias consecutivas.

Vlasic, de 27, venceu 18 de 20 competições no ano que ela classificou como um dos mais desafiadoras que já viu. Os dois atletas receberam a premiação em evento de gala em Mônaco no domingo.

Rudisha acabou com quatro anos consecutivos de corredores de velocidade vencendo o premio de atleta do ano -- com o jamaicano detentor do recorde mundial Usain Bolt vencendo pelas duas últimas edições.

O tempo de Rudisha de 1min41s09 em Berlim, em agosto, acabou com o reinado de Wilson Kipketer de 13 anos como detentor do recorde mundial. Sete dias depois, o queniano quase conseguiu diminuir e passar a barreira de 1min41 em Rieti.

"Correr abaixo dos 1min40 ainda está distante", disse Rudisha em evento que reuniu quatro detentores de recorde mundial dos 800 metros no sábado. "Eu disse, neste ano, que correr abaixo de 1:40 era possível e eu estava tentando atingir este objetivo."

Contudo, isto pode não acontecer mesmo em 2011, acrescentou. "No próximo ano, temos o campeonato mundial e as Olimpíadas no ano seguinte. Isto pode dificultar tempos mais rápidos, mas ainda acho que 1min40 é possível."

Tudo o que sabemos sobre:
ATLETISMO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.