Rússia diz que leste da Ucrânia deve ser ouvido em preparação de referendo

O chanceler russo, Sergei Lavrov, disse nesta segunda-feira que as regiões russófonas do leste da Ucrânia devem ser envolvidas na preparação da Constituição que deve ser levada a referendo sobre o tipo de Estado que a Ucrânia deve ser.

Reuters

14 Abril 2014 | 07h41

Em entrevista coletiva após receber seu homólogo sudanês, Lavrov disse que a Rússia não tem interesse na divisão da Ucrânia, mas que Moscou deseja que todos os cidadãos ucranianos recebam o mesmo tratamento de Kiev.

Ele negou as alegações da Ucrânia e dos EUA de que agentes russos disfarçados fomentam a instabilidade no leste ucraniano, e disse que estava buscando esclarecimentos sobre reportagens afirmando que o diretor da CIA, John Brennan, tinha visitado Kiev.

(Reportagem de Alissa De Carbonnel)

Mais conteúdo sobre:
UCRANIAREFERENDOLESTEOUVIDO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.