Russos protestam contra retorno de Putin à presidência

Manifestantes russos carregaram um caixão preto com a palavra "democracia" pela cidade de Vladivostok no começo dos protestos contra Vladimir Putin, às vésperas de ele voltar para mais seis anos na presidêndia do país.

REUTERS

06 de maio de 2012 | 10h32

A oposição também planejou "uma marcha do milhão" em Moscou e protestos menores em outras cidades um dia antes da cerimônia de inauguração no interior do Kremlin em que a autoridade máxima da Igreja Ortodoxa da Rússia vai abençoar Putin.

Muitos russos estão revoltados com o fato de Putin, de 59 anos, estar estendendo o poderio de 12 anos sobre o país e temem que ele reprima reforma políticas e econômicas durante o mandato.

(Por Alissa de Carbonnel e Timothy Heritage)

Mais conteúdo sobre:
MUNDORUSSIAPROTESTOPUTIN*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.