Safra de café do Brasil 12/13 deve ser recorde, segundo a Conab

A safra 2012/13 de café do Brasil, o maior produtor e exportador mundial, foi estimada em 50,45 milhões de sacas de 60 kg, informou nesta quinta-feira a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

REUTERS

10 Maio 2012 | 11h09

Se confirmado o resultado, será a maior safra já produzida no País, superando o volume de 48,48 milhões de sacas colhidas na safra 2002/03, de acordo com a Conab.

No relatório de janeiro, primeiro para 2012/13, a entidade já havia apontado uma safra recorde de 50,6 milhões de sacas, número que era o ponto médio do intervalo de 49 a 52,3 milhões de sacas.

A temporada 12/13 é de alta no ciclo bianual do café arábica, variedade que responde por cerca de 75 por cento da produção nacional.

Em Minas Gerais, maior produtor nacional, a safra foi estimada em 26 milhões de sacas, contra um intervalo de 25,5 milhões e 27,1 milhões de sacas. No ciclo anterior, a produção foi de 22,2 milhões de sacas.

"Este aumento se deve basicamente ao aumento da área em produção e a melhora dos tratos culturais das lavouras, incentivados pela recuperação dos preços de comercialização do café", apontou a Conab.

Segundo a estatal, o crescimento só não foi maior em razão das adversidades climáticas observadas em algumas regiões do Estado, que podem restringir o potencial produtivo das lavouras na atual safra.

Para a safra 2011/12, a de baixa no ciclo do arábica, o número ficou em 43,5 milhões de sacas.

(Por Gustavo Bonato)

Mais conteúdo sobre:
COMMODS CAFE CONAB*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.