Samsung refuta rumores de problemas em chips de memória

Empresa diz que notícia publicada em site 'não tem fundamento'; fabricantes de PCs rejeitam produtos da marca

Reuters,

19 Junho 2008 | 14h55

A Samsung Electronics, maior produtora de chips de memória do mundo, classificou como "sem fundamento" notícia publicada na imprensa de Taiwan de que problemas em alguns dos chips produzidos pela empresa levaram fabricantes de computadores a rejeitarem os produtos.   Rumores do mercado sobre possíveis defeitos em chips de memória DRAM da Samsung fizeram as ações da empresa cair mais de 4 por cento nesta quinta-feira. "A informação sobre nossos chips serem rejeitados não tem fundamento", disse Woo Jong-sam, vice-presidente de relações públicas da Samsung.   O DigiTimes, de Taiwan, publicou em seu site em inglês que a Samsung encontrou problemas de produção na utilização da tecnologia de 68 nanômetros e fontes indicaram à publicação que uma leva de 80 milhões de chips de 1 gigabyte foi recentemente rejeitada por fabricantes de Pcs.   Fabricantes de chips de memória, incluindo a Samsung e a número 2 do mercado Hynix Semiconductor, estão emergindo de uma prolongada crise causada por excesso de oferta e demanda fraca. Além disso, estão sendo pressionados para ampliar produção e cortar custos por meio da introdução de novas tecnologias mais avançadas.   (Por Lee Chang-ho)

Mais conteúdo sobre:
Samsung

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.