Santander prevê lucro de R$7,9 bi no Brasil em 2010

O banco espanhol Santander informou nesta sexta-feira que prevê que as operações no Brasil, incluindo o Banco Real, vão gerar um lucro líquido de 4,8 bilhões de reais em 2008, subindo para 7,9 bilhões de reais em 2010. Em uma apresentação sobre sua estratégia para o Brasil de 2008 a 2010, o maior banco espanhol informou que aumentou as metas de sinergias de custos relacionadas à aquisição do Banco Real para 2,4 bilhões de reais em 2011, ante valor inicial de 1,9 bilhão de reais. O Santander adquiriu o Banco Real do ABN-AMRO no início do ano, e seus negócios no Brasil representaram 11 por cento de seu lucro líquido nos nove meses até setembro, incluindo o Banco Real. Ao falar para analistas e investidores, o presidente do Conselho do Santander, Emilio Botin, disse que o banco planeja investir 2,560 bilhões de reais no Brasil nos próximos três anos. Os ambiciosos investimentos do banco na região são sustentados por expectativas de que o sistema bancário irá dobrar novamente ao longo dos próximos 10 anos. O banco informou que tem como meta cerca de 15 por cento de crescimento de receita anual no Brasil entre 2008 e 2010, e entre 15 e 20 por cento de crescimento anual do volume de negócios. (Reportagem de Judy MacInnes)

REUTERS

31 de outubro de 2008 | 10h04

Tudo o que sabemos sobre:
BANCOSSANTANDERATUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.