São Paulo tem 4 praias e um rio impróprios para banho

Quatro praias e um rio do litoral paulista foram considerados impróprios para banho nesta quarta semana de dezembro, na avaliação da Companhia de Tecnologia e Saneamento Básico de São Paulo (Cetesb). No litoral norte, receberam bandeiras vermelhas a Praia de Itaguá e o Rio Itamambuca, em Ubatuba, e a Praia do Pinto, em Ilha Bela. Na Baixada Santista, os banhistas devem evitar as praias Milionários e Gonzaguinha, em São Vicente. As outras praias de São Paulo têm boas condições de balneabilidade. Segundo a Cetesb, que monitora 136 das 295 praias paulista, as condições de balneabilidade são avaliadas semanalmente. Todos os domingos, técnicos percorrem os 230 quilômetros do litoral para a retirada de amostragens da água do mar. A amostra é colhida na profundidade média de um metro, faixa do mar na qual encontra-se a maioria dos banhistas. No verão, a amostragem é colhida também às quartas-feiras e sábados. As amostras de água são encaminhadas para análises microbiológicas para a determinação de bactérias fecais, que são indicadoras da poluição no mar. As análises são realizadas nos laboratórios de Cubatão para as praias da Baixada Santista e litoral sul, e em Taubaté para as praias do litoral norte. Ainda, segundo a Cetesb, são realizadas cerca de 600 análises mensais sendo que esse número se eleva para 900 nos meses de verão, totalizando oito mil análises anuais.

FABIANA MARCHEZI, Agencia Estado

24 Dezembro 2008 | 12h51

Mais conteúdo sobre:
Cetesb praias São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.