Seca se intensifica nos EUA; soja e milho têm preços recordes

A mais extensa seca nos Estados Unidos em mais de meio século se agravou ainda mais nos estados agrícolas do Meio-Oeste e das Planícies Altas nesta semana, prejudicando as lavouras de soja e milho e diminuindo os já afetados potenciais de produtividade, disseram especialistas em clima nesta quinta-feira.

KARL PLUME, Reuters

19 de julho de 2012 | 12h29

Com o agravamento da seca, os preços do milho e da soja registraram recordes na bolsa de Chicago, nesta quinta-feira.

Mais de 70 por cento do Meio-Oeste, que tem nove Estados, estavam em algum estado de seca na semana terminada em 17 de julho, uma elevação frente os 63 por cento da semana anterior, de acordo com o Monitor da Seca, um relatório semanal a respeito da estiagem em todo o país, que é compilado por especialistas em clima.

Metade do Meio-Oeste, que produz cerca de 75 por cento do milho e da soja dos Estados Unidos, estava com seca severa a excepcional, um aumento em relação ao um terço da semana anterior, segundo o relatório.

Diante dessa situação, o milho teve máxima de 8,1675 dólares por bushel em Chicago, referência internacional de preços, e a soja alcançou 17,49 dólares por bushel.

Por volta das 12h20, os futuros operavam abaixo das máximas, com realização de lucros e notícias de algumas chuvas nos EUA, segundo operadores.

"Outra semana de clima quente e seco continuou a deterioração das condições das lavouras na região celeiro dos Estados Unidos", disse Richard Heim, do Centro Nacional de Dados Climáticos.

Os Estados Unidos são tradicionalmente os maiores produtores de soja e milho.

A seca severa se expandiu, atingindo cerca de 59 por cento do Iowa, o principal Estado produtor de soja e milho, uma alta em relação aos 13 por cento da semana anterior.

Em Illinois, segundo estado produtor de soja e milho, 95 por cento do território estava em seca severa ou pior, uma alta frente o 66 por cento da semana anterior.

A seca também se intensificou na região conhecida como Planícies Altas (High Plains), que reúne seis Estados, onde 68 por cento do território estava em seca severa ou pior, contra 56 por cento na semana anterior, segundo o relatório.

Meteorologistas dizem que esta é a pior seca desde 1956.

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSSECAEUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.