Secretaria de Educação do RS fundirá turmas escolares

A Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul fechará centenas de turmas escolares depois de receber todas as matrículas e confirmações deste ano, até o fim do mês. A intenção é fundir grupos pequenos que estudam em escolas próximas em turmas com cerca de 25 alunos na 1ª e 2ª séries; 30 na 3ª, 4ª e 5ª; 35 para as demais do ensino fundamental e até 40 no ensino médio. Na seqüência, o governo do Rio Grande do Sul poderá fechar colégios que atendam a números muito reduzidos de estudantes.Um cálculo preliminar indica que, somente em Porto Alegre, 1,3 mil turmas deixarão de existir. As medidas devem racionalizar gastos públicos na área. "Não podemos manter escolas com dez alunos ou só duas turmas com cinco professores para atender 20 alunos", afirma a secretária de Educação, Mariza Abreu. "Nem a Suécia banca um ensino público dessa maneira."

ELDER OGLIARI, Agencia Estado

18 de janeiro de 2008 | 20h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.