Segurança será indenizado por racismo no RJ

Um segurança de uma casa noturna de Niterói (RJ) vai receber R$ 4 mil de indenização por dano moral de um cliente que o insultou com palavras racistas. O autor da ação contou que foi chamado de "macaco" e "crioulo escravo" ao tentar separar uma briga entre dois jovens.

EQUIPE AE, Agência Estado

10 Outubro 2011 | 17h31

A decisão é da 15ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, que manteve a sentença de primeiro grau. O relator do processo, desembargador Sergio Lucio de Oliveira e Cruz, entendeu que houve o crime de injúria por preconceito.

Mais conteúdo sobre:
racismo indenização segurança

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.