Sertão da Paraíba organiza segunda parada gay

A agente de limpeza Jeane Santos, 31 anos, de Pedra Lavrada (PB), está organizando a II Parada Gay da cidade. Com apenas 8 mil habitantes, Pedra Lavrada, chamada de ''cidade do amor'', está localizada na região de Borborema, no Brejo Paraibano.

JANAÍNA ARAUJO, Agência Estado

20 de março de 2013 | 17h13

Jeane diz que tem uma irmã transexual, Kelly Horana, e promove o evento com trio elétrico e eleição da musa gay da cidade. As paradas gays costumam acontecer em junho, por volta do dia 28, data do Orgulho LGBT. "Meu irmão se veste de menina desde os 12 anos e minha mãe sempre apoiou. Como ele trabalha como cozinheira e viaja muito, resolvi organizar o evento na cidade. Na verdade, a ideia é dele, mas eu o apoio e luto contra a homofobia", disse Jeane.

Segundo ela, a cidade nunca registrou nenhum crime homofóbico, mas na região os assassinatos de homossexuais são comuns. Ela disse também que a Paraíba elegeu representantes LGBTs nas eleições de 2012. Em Pilar, a travesti Shirley Costa, 51, foi eleita vereadora pelo PRB com 273 votos. Na cidade de Cajazeiras, o primeiro vereador gay foi eleito com 889 votos pelo PTB.

Tudo o que sabemos sobre:
Parada GayParaíba

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.