Servidor é exonerado após colocar piada sobre Serra em Twitter

Um servidor da Presidência da República foi exonerado após publicar nesta quinta-feira, no perfil da assessoria de imprensa do Planalto no microblog Twitter, uma piada com o ex-governador de São Paulo José Serra (PSDB).

REUTERS

19 de janeiro de 2012 | 18h09

A mensagem reproduzia uma brincadeira publicada por um site de humor. "Com a volta da Luiza, quem tá indo para o Canadá é o Serra...", dizia a mensagem.

A piada fazia alusão a uma jovem paraibana de 17 anos que tornou-se grande assunto nas redes sociais após uma propaganda, protagonizada por seu pai na TV, tornar-se viral na Internet.

A mensagem teria sido publicada equivocadamente pelo servidor, que foi exonerado do cargo, informou uma fonte do Palácio do Planalto.

A assessoria retirou a mensagem original e, no final da tarde, colocou um pedido de desculpas.

"Pedimos desculpas a todos pela publicação não autorizada, hoje, neste perfil, do retuíte indevido de um site humorístico", afirmou a mensagem.

Serra foi candidato à Presidência duas vezes. A primeira, em 2002, foi derrotado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e, no ano passado, pela presidente Dilma Rousseff.

Ele tem sido apontado também como possível candidato do PSDB à prefeitura de São Paulo, na eleição de outubro deste ano.

(Por Hugo Bachega)

Tudo o que sabemos sobre:
POLITICATWITTERERRADO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.