Sete funcionários ucranianos foram mortos nas últimas 24 horas

Sete funcionários foram mortos e 23 foram feridos em combate contra separatistas no leste da Ucrânia nas últimas 24 horas, disse neste sábado um porta-voz militar, apesar do acordo de paz negociado na Bielorrússia entre quatro potências.

REUTERS

14 Fevereiro 2015 | 09h32

"Pouco antes da meia-noite (horário combinado para o cessar-fogo) rebeldes estão tentando completar planos sadicamente importantes para ampliar o território sob seu controle", disse o porta-voz André Lysenko em um briefing pela televisão.

(Reportagem de Papel Polityuk)

Mais conteúdo sobre:
UCRANIA MORTOS MILITARES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.