Shin Koike ganha livro sobre seu estilo gastronômico

COZINHA DE ESTAR:

DANIEL TELLES MARQUES, O Estado de S.Paulo

15 Novembro 2012 | 02h14

RECEITAS PRÁTICAS PARA RECEBER

Autor: Rita Lobo

Editora: Paralela

(239 págs., R$ 69,90)

A Cor do Sabor - A culinária Afetiva de Shin Koike é mais um livro sobre cultura gastronômica japonesa do que sobre o cozinheiro japonês radicado em São Paulo. Jo Takahashi, autor dos textos, que acompanham as belas fotos de Tatewaki Nio, parte do geral para o específico para compreender um dos grandes chefs orientais de São Paulo.

Estão nas páginas o Japão, os rituais à mesa, as descrições do gosto, mas o homem que maneja as facas em cortes precisos e mistura gostos orientais com produtos brasileiro é mais revelado em suas receitas que nos escritos do autor. Filho de peixeiro e sushiman, Shinya Koike, nome de batismo, poderia ter fixado carreira no restaurante do pai, o Sushi Sho, no Japão. Preferiu seguir as influências da nouvelle cusine e trabalhar no Escoffier, restaurante de influências francesas no bairro de Ginza, em Tóquio.

Shin Koike chegou ao Brasil no começo dos anos 90 determinado a colocar em prática suas ideias de culinária japonesa com toque autorais. Passou pelo Aoi, Tamayura e Rangetsu of Tokyo antes de abrir o A1, (extinto) onde fincou fama. Veio então o Aizomê e a consolidação do estilo do chef. Abriu há pouco o Sakagura A1, no Itaim.

A Cor do Sabor - A culinária afetiva de Shin Koike

Autor: Jo Takahashi

Editora: Melhoramentos

(272 págs.; R$ 120)

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.