Simulado tinha questões idênticas a de prova do Enem

Um simulado realizado no Colégio Christus, de Fortaleza, dez dias antes da aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), apresentou nove questões idênticas à prova aplicada no fim de semana passado em todo o País. Segundo o Ministério da Educação (MEC), a suspeita é de que a escola tenha tido acesso a questões do pré-teste realizado em 2010. O MEC não crê em vazamento da prova após a impressão. Os 639 alunos do colégio terão de refazer o exame.

AE, Agência Estado

26 Outubro 2011 | 22h05

O MEC acionou a Polícia Federal (PF) para investigar o caso. As nove questões estavam em pré-teste realizado em outubro do ano passado em cinco Estados, entre eles o Ceará. Uma das linhas de investigação da PF é de que um funcionário do Colégio Christus tenha subornado um fiscal que aplicou questões do pré-teste na escola e copiado o caderno.

De acordo com o colégio, o simulado ocorreu dez dias antes do Enem. A escola publicou uma nota de esclarecimentos na tarde de hoje em seu site oficial. O texto afirma que, "como há o pré-teste de questões utilizadas no Enem, existe a possibilidade de que essas questões caiam no domínio público antes da realização oficial do exame, as quais eventualmente podem compor o banco de dados de professores e de outros profissionais da área de educação". As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais conteúdo sobre:
Educação Enem consolida

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.