Sinalizador quase atrapalha evolução da Gaviões

A comissão de frente e os integrantes da Gaviões da Fiel levaram um susto há alguns instantes. Um sinalizador atirado da arquibancada na avenida quase atrapalhou a evolução da escola. O item chegou à passarela ainda aceso, com chamas que quase atingiram as cartas de baralho gigantes trazidas pelos integrantes da comissão. O artefato se apagou rapidamente.

EQUIPE AE, Estadão Conteúdo

15 Fevereiro 2015 | 01h05

O samba da escola fala sobre a sorte e o azar do baralho de cartas. O enredo canta o tema "No jogo enigmático das cartas, desvendem os mistérios e façam suas apostas, pois a sorte está lançada!". A escola levou para a avenida o animal símbolo da escola vestido de coringa no abre-alas.

Uma ala de Rainhas de Copas, personagem do conto Alice no País das Maravilhas, ganha aplausos da público que lota as arquibancadas. É a segunda vez que essa figura aparece nos desfiles do carnaval 2015: na madrugada de sexta, a escola Rosas de Ouro falou sobre superação e usou a história de Alice em um dos carros, que trazia a Rainha de Copas como destaque.

A ala dedicada ao às de espadas, símbolo da morte, tem fantasias de soldados zumbis. Eles fazem referência aos soldados americanos que, ao matar seus oponentes na Guerra do Vietnã, deixavam essa carta sobre os mortos.

Mais conteúdo sobre:
Carnaval Gaviões da Fiel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.